/>
4 Em Gastronomia/ Lima/ Peru

Onde comer na Feira Mistura em Lima

Acontece sempre e, este ano, sempre que encontrava amigos ou visitei a feira com alguém de fora, a pergunta que mais escutei “Manu, você que vem todo ano me conta: onde comer?”
O Mistura 2014 contou com 12 Mundos, além das áreas livres cheios de barraquinhas. Qual é a diferença? Os restaurantes dos Mundos são restaurantes convidados pela organização e, mesmo assim, passam por um exigente teste de qualidade. Os restaurantes das Áreas Livres são compram o espaço para colocar sua barraca, na esperança de mostrar ao povo sua qualidade e, assim, entrar para o rol da fama. Naturalmente, eles também são obrigados a passar por uma prova de verificação e qualidade.
Todos os restaurantes expostos no Mundo devem oferecer dois pratos. Estes normalmente são distintos dos outros restaurantes para que haja diversidade de produtos.
Primeira dica: os 4 restaurantes de esquina são os principais de cada Mundo. Na dúvida, fique com algum dos quatro que as chances de se surpreender são grandes.
Segunda dica: na dúvida, por mais que seja chato ficar na fila, escolha um restaurante com fila. O peruano sabe o que é bom e a fila confirma isto.
Terceira dica: a maioria dos restaurantes do Mistura tem seu próprio local, então “favorite” este texto e, na próxima vez que visitar Lima, não deixe de passar em algum desses lugares.
Para não deixar vocês perdidos em uma feira tão grande e com tantos atrativos, fiz um recorrido e separei aqui o melhor de cada Mundo. Anota aí:

Mundo de Las Carretillas
São restaurantes ou lanchonetes que apresentaram um carrinho de vendas:

hamburgruesas
Hamburgruesas
A Rosio faz um hambúrguer delicioso! São caseiros, saborosos, feitos com a melhor carne e sem aditivos artificiais. Simples e divinos. A primeira loja será inaugurada até o fim do ano, no Barranco.

cantaranita
Canta Ranita
É a barraquinha do Canta Rana. Divertido, jovial e de comida gostosa, como o restaurante no Barranco que já falamos por aqui.

sibares
Sibaris Resto Bar
Este restaurante está dando o que falar na cidade desde sua inauguração a menos de um ano. O chef Francesco de Sanctis é jovem e comanda de forma descomplicada e moderna seu restaurante no Barranco. Este ano, estavam no Mistura com o Sibares Movil, mas podem ficar de olho nesse nome porque virão surpresas para o próximo ano.

Mundo de Las Brasas e los Anticuchos
É um dos Mundos que chama mais atenção e mais disputados. Aqui o prato principal é o “chancho”(porco) cozinhado de forma variada. Um dos motivos é, realmente, a delicia da comida apresentada, outro é o fato de muitos desses restaurantes não serem em Lima, então o povo aproveita para matar a vontade durante a feira.

vargasanticucho
Grimanesa Vargas Anticuchos
Anticucho é espetinho de coração de boi. Um dos famosos pratos peruanos, aqui já tem anticucho de tudo, mas os da Grimanesa Vargas são só os originais. Eu vou dizer que sou chata pra comida e mais ainda para coisas como coração de boi, mas estavam realmente deliciosos. Ela tem um pequeno ponto em uma transversal da Av. La Mar, em Miraflores.

chanchoalpalo
Ramadita Warmy de Pepe y Laura
Um dos restaurantes que teve reconhecimento e cresceu devido sua aparição no Mistura. Hoje é um dos mais famosos “chanchos al palo” do Mistura. E com razão. O porco é colocado em grades e cozido a lenha, diante dos nossos olhos. Simplesmente delicioso. Infelizmente, para matar a vontade durante o ano, você terá que ir a Huaral, 80km de Lima.

juantalledo

cajachina

La Caja China de Juan Talledo
A “caixa chinesa” é famosa por aqui. Há muitos restaurantes na cidade que tem e, como existe em vários tamanhos, há até a possibilidade de ter em casa uma pequena ou de contratar o serviço para uma festa. A “caja china” é uma caixa de metal galvanizado coberto com madeira e uma tampa de metal, onde em cima acendem carvão. Dentro se cozinha qualquer tipo de carne, mas principalmente o porco (chancho). Podem assar até 22kg de porco em menos de quatro horas. D-E-L-I-C-I-O-S-O!
A Caja China de Juan Talledo fica em Carabayllo, cerca de 30km de Lima.

cilindropedro

cilindradapedrito
La Cilindrada de Pedrito
Para mim, a mais saborosa das formas de fazer o porco. O cilindro tem a forma mais convencional, como um forno ou uma churrasqueira, mas foi o Pedro Peves que deu um toque de originalidade usando aqueles galões de metal como churrasqueira. Daí seu sucesso. Hoje seu espaço no Mistura é um dos mais concorridos. Fora da feira, você encontra o Pedro em seu restaurante em Surquillo, bairro ao lado de Miraflores.

Mundo de Los Sanguches
Concentra os melhores sanduíches da cidade.

lalucha
La Lucha
Dispensa apresentações, já que fizemos um post inteiro sobre a lanchonete que mora em nosso coração. Ponto obrigatório para um lanche delicioso a qualquer hora do dia, mas o bom mesmo é chegar lá depois de um dia inteiro turistando, comer um jamon del país ou lechón e ir pro hotel dormir.

elchinito
El Chinito
Segue a mesma idéia do La Lucha. É uma sanduicherias criolla, o que significa temperos e carnes regionais, batatas exclusivas do país e molhos super peruanos. El Chinito começou no centro de Lima e fez sucesso entre políticos e povo. Com o crescimento da popularidade, aumentou o número de lojas também. Hoje você pode saborear seus sanduíches também em Miraflores, Barranco e Surco. Vale muito a visita!! O sanduíche é simplesmente maravilhoso!

Mundo Criollo
Comida criolla é a chamada a comida com influencia espanhola e hispano-americana, feita com ingredientes básicos regionais.

elricon
El Rincón que no Conoces
Um restaurante com mais de 30 anos de história e receitas (e amor pelo fogão) passadas de mãe para filha. Esta é a história deste restaurante que vende o mais famoso Ají de Gallina do Mistura. Em Lince, bairro próximo ao centro de Lima, seu restaurante segue atendendo com atenção e simplicidade, oferecendo uma comida criolla feita da forma mais tradicional e saborosa.

Mundo Oriental
Restaurantes de cozinha japonesa.

Makoto Sushi Bar
Tradicional restaurante japonês na cidade, oferece uma sopa irresistível.

Hanzo
Um dos meus restaurantes preferidos na cidade. Fazem uma cozinha fusion.

Edo Sushi Bar
Sempre uma ótima opção dentro e fora do Mistura.

Mundo de las Cevicherias
Restaurantes de pescados e frutos do mar.

ceviche
Restaurant Sonia
Localizado no tradicional e popular bairro de Chorillos, sai completamente da rota turística convencional, mas o restaurante vale a visita. Mais de 30 anos, o restaurante foi inaugurado ali pela mãe da Sonia e quem trazia os peixes era um jovem pescador. Sonia e o pescador se apaixonaram e até hoje tocam junto o pequeno restaurante. Um dos segredos limeños.

Mundo Norteño
Comida do norte do país.

elcantaro
El Cantaro
Foi, para mim, uma das surpresas do Mistura, já que eu não conhecia. O restaurante tem 40 anos de tradição em Lambayeque, cidade próxima a Chiclayo. Dona Juana Zunine é uma simpatia e super solicita em contar toda a história da culinária norteña. Com um sorriso encantador, ela mostra amor nas mãos e muito orgulho os principais pratos da casa: o Arroz com Pato e o Pepión de Pavita. Seu filho, hoje também chef do restaurante, cuida do restaurante em Lima, localizado no bairro de San Miguel.

Mundo Andino y Amazônico
Comida da Selva

lapatarashca
La Patarashca
Amor também herdado, Cindy explica cheia de mapas e ajís, o que faz a culinária amazônica ser tão exótica e diversificada. O restaurante é um dos mais conceituados de Tarapoto, em plena selva amazônica. Eles também possuem hospedagem e operador turístico, todos com muitas boas críticas na mídia. A opção aqui é provar os pratos como o pescado en hoja de bijao na feira ou animar de conhecer a selva amazônica peruana.

O post ficou gigante, mas não teria como deixar de citar algum dos restaurantes. O Mistura é um mundo que se abre diante de você. Mais que comida, esteja aberto a conversar, trocar experiências, perguntar e escutar. O que você comer fará muito mais sentido.

Talvez você também goste

4 Comentário

  • Reply
    Humberto Antonio Siqueira
    22/09/2014 at 12:55

    Gostei mundo. Continuem mandando qualquer coisa de Lima (ou do Peru), muito vai contribuir na minha viagem em janeiro de 2015. Ficarei em Lima de 7 a 10 de janeiro com minha esposa. Não conhecemos nada. Será a primeira vez. Por favor, falem sobre o clima nessa época: precisaremos de agasalhos? Moramos em Manaus, muito quente aqui. Três meses sem chuvas, temperatura de 35º. Muito obrigado pela gentileza.

    • Reply
      Bia Kuntz
      22/09/2014 at 22:39

      Oi Humberto,
      Nesse post falamos sobre o clima entre tantas outras informações importantes pra quem vem ao Peru pela primeira vez: http://cupofthings.com/infos-basicas/
      O blog está repleto de informações sobre Lima. Espero que te ajude com a sua programação.
      Um abraço,
      Bia.

      • Reply
        leinadddalberto
        05/11/2014 at 07:51

        Esta faltando comida do sul: chupe de camarones, rocoto relleno, queso helado…

        • Reply
          Manu Tessinari
          30/11/2014 at 17:48

          Oi Leina, tudo bem?

          Ficou faltando, né? Falei do que experimentei e conheci no tour que fiz com um guia especialista na feira. Vou conhecer mais da comida do sul e faço um post só sobre o assunto, ok?

          obrigada por nos escrever!

          abraços,
          Manu

    Deixe seu comentário, opinião, dúvida, elogio. A gente vai adorar!