/>
10 Em Gastronomia/ Lima/ Peru

El Gran Mercado, o coração da Feira Mistura

Tanto eu, como a Manu, somos loucas por uma feira. Pode ser de qualquer tipo, desde as maravilhosas feiras livres que temos no Brasil onde a gente, depois de  comprar todas as frutas e verduras pra viver com saúde, emenda um pastel pra repor as calorias, até as feiras de artesanato, mercados municipais, festa do morango, da uva, da alcachofra… Por aí vai. Sem a menor dúvida, é algo que temos de preparar o espírito pra encarar, pois são locais onde estamos sujeitos as intempéries climáticas além da aglomeração de pessoas – quem não dá conta destes dois itens, melhor ficar em casa se não quiser voltar de mau humor. Mas, para quem se diverte em saber as histórias, os caminhos, e se delicia com sorrisos francos e uma boa conversa, nada nutre tanto como um mercado popular.

IMG_5734

O povo peruano também está acostumado a esse tipo de comércio, afinal, no interior do país são poucas as cidades aonde se instalaram alguma das grandes redes de supermercado, muito menos de comércio varejo. Desta forma, nada poderia representar tão bem o meio de consumo desta população, quanto um Gran Mercado – em vulgo português, um ‘Mercadão’.

IMG_0034

Todos os anos, a feira Mistura monta, dentro do evento, o Gran Mercado, e é sempre um show à parte. Ali temos acesso a produção agrícola vinda de todos os cantos do país a preços mais acessíveis do que num mercado comum. Bem na verdade, muitos destes produtos nem se encontram à venda em Lima, pois são produzidos e diretamente consumidos naquela região ou então, exportados. Entretanto, a feira traz com esta exposição a possibilidade de novos negócios, pois em sua maioria, são os próprios produtores quem vêm expor, e existe sempre a chance de encontrarem novos compradores.

IMG_0032

O contato direto com os agricultores é uma verdadeira aula de vida em cada barraca. Eles sabem e têm prazer em nos explicar a forma como cada alimento é produzido, até a história de como sua a mãe começou a plantar tal coisa para consumo próprio e isso se tornou o negócio da família, que agora quem comanda é o neto. Tudo é de uma riqueza imensa… Riqueza de amor pelo que fazem, de alegria por estarem ali, de sabedoria, de conhecimento da terra, de tradição, de simpatia… Olha, sem a menor dúvida, o Gran Mercado é a melhor viagem que o Mistura pode proporcionar.

Cozinha, El Gran Mercado

Cozinha, El Gran Mercado

Uma panorâmica do tumulto em torno do Gastón Acurio, na Cozinha do El Gran Mercado.

Uma panorâmica do tumulto em torno do Gastón Acurio, na Cozinha do El Gran Mercado.

Para melhorar isso ainda mais, este ano montaram ali uma Cozinha, onde a cada dia era preparado um prato com ingredientes típicos, e estes eram vendidos a preço popular (S/. 4,00). Além disso, diariamente um grande chef peruano cozinhava um outro prato à parte e ia, ele mesmo, distribuir gratuitamente para os frequentadores que passavam pela Cozinha do Gran Mercado. Pensa numa muvuca, gente?! Nos dias que foram Gastón Acurio e Virgilio Martinez, era um tumulto maior que o trio de Ivete Sangalo na Bahia (tudo bem, não é pra tanto… Mas tinha muita gente!). E eles não só distribuíam as porções como também conversavam com o povo, perguntavam se a comida estava boa, davam dicas de preparo e, mais importante de tudo, estavam ali de peito aberto representando o mundo que se abriu a este país por meio dos pratos e seus insumos.
No final, me senti verdadeiramente emocionada e privilegiada em poder conhecer tudo isso. 🙂

Talvez você também goste

10 Comentário

  • Reply
    Começa hoje o Mistura 2015 - Cup of Things
    04/09/2015 at 09:00

    […] Los de las brasas, Los sangucheros, Los tradicionales, Los regionales, Bares y Tabernas, etc. O Gran Mercado segue com inúmeros produtores e fornecedores de diversas partes do país, e com sua cozinha […]

  • Reply
    Eco Market San Isidro: um passeio de domingo - Cup of Things
    05/08/2015 at 13:14

    […] vocês já sabem, nós do Cup adoramos uma feira, e essa está localizada relativamente perto das nossas casas, então nada mais natural do que ela […]

  • Reply
    Laura
    17/01/2015 at 13:56

    Vendo por aqui esta variedade toda, fiquei pensando: minha sogra já me avisou por Skipe que quer que eu cozinhe algum prato brasileiro. Pensei em feijoada. Mas, é fácil encontrar partes do porco salgado como aqui e feijão preto? Ou poderei levar daqui pra lá?
    Daí, uma outra opção, fazer o cuscuz paulista, já que peixe em Lima é bem mais acessível e acredito que tenha farinha de milho em flocos. Uma luz!!! Faltam apenas 15 dias pra conhecer a terra do meu maridão.

    • Reply
      Manu Tessinari
      26/01/2015 at 23:20

      Oi Laura,

      Sou ZERO cozinheira… 🙁 Sei que tem tudo pra fazer feijoada aqui porque todo mundo faz. Feijão encontra fácil e as partes do porco também. O que vai ficar faltando é o couve, que ate ja foi encontrado na cidade, mas não é fácil ver não. O cuscuz paulista nem imagino o que leva e não faço ideia de tem farinha de milho na cidade… Desculpa, mas nao posso te ajudar nessa. Existe uma brasileira aqui que cozinha de tudo pra fora, de repente pode ajudar. O FB dela é Hada Feliz.

      abraços,
      Manu

  • Reply
    Carmen Florito
    25/09/2014 at 07:32

    Bom Dia Meninas!!… Nossa!! Essa feira gastronomica deve ter sido fantástica. Onde ela aconteceu? Em que local?
    Estou retornando a Lima para mais um periodo de moradia, acompanhando meu marido que retorna a trabalho.Como AMO Lima , nunca é sacrificio fazer as malas , mesmo deixando importantes laços , filhos, mãe, irmao, familia em geral e meu trabalho- esse vou tentar manter via on line -AMEM ao mundo tecnologico – Sou Design de Interior e tenho um escritorio com 2 sócias, mas enfim . Agora a missao é achar um imovel para alugar.
    Obrigada por compartilhar coisas Fantasticas desse lugar INCRIVEL

    • Reply
      Manu Tessinari
      25/09/2014 at 21:10

      Oi Carmen,

      O Mistura acontece todos os anos, na primeira quinzena de setembro, em um enorme espaço construído na Costa Verde. Há mais posts no blog explicando tudo.
      É sempre muito bom voltar pra onde a gente gosta! Boa sorte na busca do apt!

      Abraços,
      Manu

  • Reply
    Humberto Antônio Siqueira
    24/09/2014 at 17:05

    Aonde fica a feira? E quando acontece? Todos os dias, todo mês? Fica em Lima? Vou pra lá em janeiro 2015.

    • Reply
      Manu Tessinari
      25/09/2014 at 21:13

      Oi Humberto!

      Acontece em Lima, todos os anos, na primeira quinzena de setembro. Tem mais posts sobre o assunto no blog. Busca por Mistura.

      Abraços,
      Manu

  • Reply
    Luciana Betenson
    24/09/2014 at 07:51

    Adorei! Não sabia da cozinha “popular” e dos chefs cozinhando nela 🙂 Beijos!

    • Reply
      Manu Tessinari
      25/09/2014 at 21:16

      Lu, loucura pra comer, mas muito divertido pra ver os chefs de perto e atuando com o público!
      Já soube que volta para o próximo ano.

      Beijos,
      Manu

    Deixe seu comentário, opinião, dúvida, elogio. A gente vai adorar!