/>
29 Em Crianças/ Lima/ Passeios/ Peru

Lima com crianças!

malecon, lima, parque del amor, parapente, crianças em lima

Como em outubro é o mês inteiro de comemoração para as crianças, eu não poderia deixar de homenageá-las aqui no blog também e falar um pouco sobre crianças em Lima.

A cidade é super amigável para as crianças de todas as idades. O que não falta aqui são programas legais, teatros, contadores de histórias, restaurantes com menu infantil e passatempos para os pequenos.

Aqui listo alguns dos programas que farão qualquer criança feliz:

Turisbus, Lima

Turisbus – Aqui, como nas grandes capitais mundiais, tem o city tour com ônibus de dois andares. Como o segundo andar é aberto, fica mais divertido, sente mais a cidade e consegue observar o todo. Normalmente a criança acha este tipo de city-tour menos chato e cansativo, além de não cansá-los fisicamente.

Centro, Lima, Convento San Francisco, Plaza de Armas

Centro de Lima – Se não obrigá-los a entrar nos museus e catedrais, o centro histórico pode ser bem legal. A Plaza de Armas é bonita e está sempre muito movimentada.  Tem troca de guarda no Palácio do Governo, pombos em frente ao Convento de São Francisco e a Casa Aliaga pode ser atraente. É possível fazer um  passeio de charrete e, se seu filho for adolescente, vai curtir as catacumbas com milhares de ossos de pessoas que foram enterradas ali embaixo da Igreja São Francisco.

malecon, lima, parque del amor, parapente, crianças em lima

Malecón – O calçadão da cidade é muito divertido, principalmente no fim de semana. Há vários parquinhos para diferentes idades, pista de skate, crianças por todos os lados. Se for seu estilo, alugue uma bicicleta no Shopping Larcomar e percorra o calçadão até o parque onde tem as linhas de Nazca feitas em flores. No trajeto, ainda tem o Parque do Amor com seus divertidos mosaicos e o salto de parapente. Seu filho curtirá ver as saídas e os pousos, mesmo que seja pequeno ainda para saltar.

Feira Orgânica, Lima, Esquina Musical

Esquina Musical e Feira Orgânica – O programa pode parecer alternativo demais, mas é bem divertido. Todo sábado, no Parque Del Reducto, em Miraflores, acontece uma deliciosa feira orgânica. Eu gosto muito de ir logo de manhã para tomar café da manhã nas barraquinhas. Tem wraps, tortas, bolos, doces tudo feito com frutas e os grãos peruanos mega saudáveis, quinua, kiwicha ou cañihua. Para completar, café orgânico e suco.

Depois de passear na feira e já devidamente alimentado, entre no lindo parque. Lá, a partir das 11h, acontece a Esquina Musical, um programa criado para que as crianças tenham acesso a musica e instrumentos. Todos podem tocar pandeiro, cajon (típico instrumento peruano) ou o que tiver em mãos. Guiando a Esquina, um grupo musical muito bom e divertido, que canta e conta histórias. Detalhe: só se toca marinera, música típica. Programa gratuito e de qualidade.

Cirguito Magico de las Aguas, Lima, Parque das Aguas, Show das Fontes

Circuito Mágico de las Águas – Parque com maior quantidade de fontes no mundo, o Parque das Águas é um extenso e bonito parque onde você passeia e brinca entre as fontes. Com show de luzes e som, as fontes se movem, formam desenhos, túneis, pirâmides e, em horários marcados, acontece, nas fontes principais, um show de laser. Diversão na certa para qualquer idade.

Avenida Arequipa, passeio de bicicleta em Lima, Lima, Casarões

Andar de bicicleta na Av. Arequipa – Todos os domingos, a Av. Arequipa, uma das maiores da cidade, fecha de 8h às 13h para dar caminho a patinadores, corredores e ciclistas. Você pode alugar bicicleta em um dos estandes (tem aquela bicicleta família também!) e conhecer a cidade de um jeito diferente. A Av. Arequipa é linda, com casarões coloniais, museus, lojas de souvenirs e muita histórias, mas, durante a semana, há tanto tráfego que é quase impossível ver sua beleza. Um plus: a avenida liga Miraflores ao centro da cidade (passando por parques, estádio, etc). Segundo plus: há policiais e monitores em toda a avenida e estandes com bebidas gratuitas para os ciclistas. Não seria uma delícia explorar Lima de bicicleta? 😉

zoo, parque de las leyendas, lima

Parque de las Leyendas – Eu adoro zoológico e o de Lima é bem estruturado. Há animais da fauna peruana, pássaros, macacos, zebras, búfalos, hipopótamos, girafa, leão e até pingüim. Tem também um trenzinho para percorrer todo o parque. Grande, espaçoso, com muita área verde, as crianças podem também correr e brincar. Me surpreendeu.

Huaca Pucllana, Huaca Huallamarca, Lima, Peru

Huacas – As huacas foram antigos templos e centros de oferendas dos povos pré-incas e incas e estão espalhados por toda a capital. Alguns estão restaurados e tem uma ótima estrutura de visitação. Eu indicaria a Huaca Pucllana ou a Huaca Huallamarca. A primeira é maior, tem mais história e bonecos de cera simulam o cotidiano da época. Já a Huaca Huallamarca é menor, menos cansativa, mas o passeio é basicamente subir na pirâmide. Qualquer uma das duas diverte as crianças que podem se sentir um Goonie (ou qualquer explorador da sua geração!

ilhas, lima, passeio de lancha, mergulho, leões marinhos

Passeio às Ilhas – Esta dica é só para quem tem um espírito de aventura maior, vir em uma época mais quente e tem um tempo maior para explorar a cidade. Um passeio de lancha que sai de Callao para conhecer as três ilhas da capital, com direito a um banho com leões marinhos.

Lima, Jockey Plaza, Jockey Kids, Larcomar

Shoppings – Passeio típico não é, mas shopping em qualquer lugar do mundo diverte qualquer criança. Aqui não seria diferente. Larcomar é basicamente um shopping de entretenimento. Diversão para toda a família.Tem boliche, parquinho, fliperama, cinema, teatro, barzinho, restaurante e o CityToys, um parquinho pago que simula uma cidade e é muito bacana para crianças até 6 anos.

Já no Shopping Jockey Plaza existe o Jockey Kids, uma área de diversão com fliperama e parquinho eletrônico. Tem também o Divercity, um parque de diversão somente para crianças, ideal para crianças entre 8 e 12 anos.

Viu como programas não faltam? E olha que eu nem falei dos museus, do divertido bairro do Barranco, nem das aulas de surf que podem ser uma opção. Como tudo que envolve filhos, criatividade e disposição são os ingredientes essenciais. O resto, Lima tem!

Talvez você também goste

29 Comentário

  • Reply
    Moyses
    09/08/2015 at 18:41

    Estou pensando em ir para lima em outubro, gostaria que você me orientasse em duas coisas, vale a pena alugar carro, estarei com minhas duas filhas 2 e 5 anos, próximo à lima teria alguma outra programão para ser feita com elas? Obrigado

    • Reply
      Bia Kuntz
      04/09/2015 at 15:29

      Oi Moyses,
      Tema complicado esse do carro. Olha, conforme escrevemos aqui nas nossas Informações básicas (http://cupofthings.com/infos-basicas/), não recomendamos ninguém a alugar carro por aqui.
      Não por algum problema neste tipo de serviço, mas pelo simples fato do trânsito daqui ser pavorosamente caótico, e acreditamos que ninguém, em plenas férias, merece dirigir num transito desse. Acaba com qualquer humor. Acredite.
      Vale muito mais à pena andar de taxi e, dependendo de onde você estiver hospedado, a pé.
      Os táxis seguros aqui – Easy taxi, Satelital ou Taxi Green – são ótimos, baratos (quando comparados ao Brasil) e você pode pedir pelo aplicativo do celular.
      Os programas infantis aqui por perto são os restaurantes campestres, como o Casa de Don Cucho (http://cupofthings.com/2014/10/15/la-casa-de-don-cucho-passeio-perto-de-lima/).
      Na nossa sessão “Crianças” aqui do blog (http://cupofthings.com/category/criancas-2/), tem diversas opções dentro e fora da cidade. Vale dar uma olhada pra ver se algo mais te interessa.
      Boa viagem pra vocês.
      Um abraço, Bia.

  • Reply
    Anna
    13/06/2015 at 19:31

    OI, Manu, como vai?

    Viajo pra Cuzco e Lima em outubro com meus três filhos (duas de 11 e um de 7) e já fechei as passagens. Não sabia (tonta!) que Lima teria tantas opções pra eles e deixei 5 dias pra Cuzco e 2 pra Lima.
    Até pensei em antecipar em 1 dia a a passagem de Cuzco pra Lima, mas acho que vai complicar essa manobra agora.

    Como meus filhos não são tão pequenos, babei nas opções de parques, sítios arqueológicos, alguma coisa que li sobre a família cozinhar junto um tal chef famoso, adorei as dicas de Miraflores, achei Barranco interessante, enfim, quero tudo e estou completamente perdida 🙂

    Você conseguiria me ajudar com dicas do que é imperdível em Lima e o melhor bairro pra hospedagem?

    Obrigada, beijos!

    • Reply
      Manu Tessinari
      01/10/2015 at 17:33

      Oi Anna,

      Acho que seria ótimo pra vcs se hospedarem em Miraflores, mas se conseguir algo barato por San Isidro, feche sem medo.
      Imperdível é complicado se pensarmos que cada um tem seus gostos, mas se você seguir o post do “fim de semana em Lima” já vai ser uma boa. Adolescente acho que vai curtir fazer o passeio da Huaca Pucllana, pular de parapente, alugar bicicleta pra passear no Malecon e fazer o centro da cidade vai ser legal pra toda a familia. As catacumbas cheias de caveiras normalmente divertem as crianças e os pais podem turistar tranquilos (Convento San Francisco). O shopping Larcomar tem jogos, gente, luz, comida, diversão. Acho uma boa pra noite de vocês.

      O importante é curtir os dois dias aqui e depois voltar pra ver o resto, nao se estresse tanto! rs

      No blog tem post sobre tudo que eu citei.

      abs,
      Manu

  • Reply
    Sheila
    13/12/2014 at 08:09

    Olá, bom dia! Adorei ler suas dicas do blog, estaremos de mudança para Lima no inicio do ano, temos uma filha de 3 anos e até a mudança estarei com um nenem de 3 meses mais ou menos, bom…acho que como toda mãe, estou com um pouco de medo da mudança, de falar outra lingua…ja moramos na venezuela e minha neném pega muito fácil a lingua. O que você poderia me dizer sobre creches ( na venezuela se chamam guarderias), e quanto a saúde, pediatras e tal? Qual sua visão sobre isso? Na Venezuela tivemos que vir embora para o Brasil pois não tinhamos nem remédios, dificilmente um pediatra e sem falar na falta de comida devido a situaçao do País, enfim…desculpe tantas perguntas, você como mãe de dois pequenos deve entender minha preocupaçao. Obrigada e bjs

    • Reply
      Manu Tessinari
      06/01/2015 at 13:42

      Oi Sheila, seja bem vinda a Lima!

      A cidade é ótima, super kids-friendly! Em todo canto em creches e de todos os tipos, tamanhos e preços. Quanto aos pediatras e remédios, encontra-se de tudo e ótimos médicos. Vem tranquila e feliz que dará tudo certo! Precisando de dicas de creches e médicos, é só falar!

      abraços,
      Manu

  • Reply
    Daniele Moreira
    18/03/2014 at 14:06

    Oi Manu, adorei as dicas! Estamos pensando em ir ao Peru em janeiro, mas como quero ir a Machu Picchu também estou preocupada com a altitude, a minha pequena na época da viagem vai ter quase 3 anos.
    Outra coisa, você tem alguma dica de algum hotel ou flat, já que eu queria uma estrutura básica de cozinha, um micro-ondas, pratos, talheres, caso eu precise fazer alguma coisa pra ela. Obrigada! Beijos

    • Reply
      Manu Tessinari
      18/03/2014 at 20:47

      Oi Daniela, tudo bem?

      O problema de Machu Pichu nesta época são as chuvas que podem acabar com seu passeio. Claro que não é garantido chuva, mas os riscos são altíssimos e com isto vôos atrasam, passeios são cancelados e MP pode ser fechada. É um risco que você corre.
      Quanto a altura, Cusco é o problema, já que MP é mais baixo e, por isto, mais agradável. Eu não fui com minha filha a Cusco, mas já fui a Andahuayllas, que fica na mesma altura, e ela tinha menos de 2 anos. Pra dizer a verdade não fiz nada. As crianças se adaptam melhor que os adultos, segundo meu médico daqui, e me desaconselhou a dar qualquer tipo de medicamente de altura. Me aconselhou a observá-la e caso estivesse mais chorosa, mais cansada, mais preguiçosa que o normal, eu desse paracetamol infantil. Passamos muito tempo lá e não foi necessário. O que você pode fazer também é comprar uma garrafa de oxigênio. Custa barato (s./50) e vc pode dar 70 respiradas. Ai você faz um controle de uma respirada a cada 2h por exemplo.
      Flat com “cozinha” (geladeira, microondas, pratos, etc) que conheço e fica bem localizado é o QP Hotel, mas eu não me preocuparia tanto com isto. Comida aqui é super fácil ficar parecida com do Brasil, você pode sempre pedir um arroz com verduras e filet de franco ou peixe na chapa, que eles preparam pra você. Olivia tem 2 e meio e a gente adapta qualquer comida de restaurante a ela.

      Beijos,
      Manu

  • Reply
    jose roberto
    03/02/2014 at 11:42

    olá, sou de recife e em julho devo viajar para o peru numa viagem de cerca de 4 semanas. como é inverno gostaria de perguntar se, apesar da localização quase amazônica, existem locais nas montanhas onde podemos encontrar e nos divertir na neve, já que estaremos viajando com uma criança. grato jose roberto

    • Reply
      Manu Tessinari
      05/02/2014 at 22:02

      Oi Jose, tudo bem?

      Olha, aqui no Peru vc encontra a região litorânea, a região de selva e a região de serra. Tem região que tem neve sim, que é conhecida como Cordilheira Branca, mas eu desaconselharia para crianças. É muito alto (5000 m acima do nível do mar) e é um trajeto para trekking. A estrutura turística é simples e em lugar sem neve. Aqui não tem estações de esqui e estrutura como no Chile ou Argentina, por exemplo, onde tem toda uma infra para crianças.

      Abraços,
      Manu

  • Reply
    Renata Luppi
    31/05/2013 at 14:59

    Oi Manu,
    você poderia me dizer qual o endereço exato da Igreja de São Francisco ?
    Obrigada !

    • Reply
      Manu Tessinari
      04/06/2013 at 14:32

      Oi Renata!

      O endereço exato do Convento San Francisco é Plazuela San Francisco (Esquina Jirones, Ancash y Lampa), mas é Centro Histórico. Uma vez na Plaza de Armas, não tem errada, você encontrará o Convento.

      beijos
      Manu

  • Reply
    Luciana Vicente lourenco
    24/03/2013 at 13:53

    Manu, voltamos de Lima. A viagem foi maravilhosa, obrigada pelas dicas. Deu td certo, inclusive o exame da minha filha, no local que vc indicou.
    Ficamos hospedados no Ibis em Miraflores.
    Gostei da localização, boa para passear a pé.
    As meninas adoraram o City Toys, no Larcomar. Como no Ibis não tinhamos muito espaço, foi muito bom poder leva-las lá para brincar.
    Tbém levamos as meninas na loja da Barbie, no shopping. É bem menor que a de Buenos Aires, mas cumpre a mesma função.
    Achei bem tranquilo andar com Lima com os carrinhos, as calçadas são bem cuidadas e rebaixadas nas esquinas (pelo menos por onde circulamos).
    Fomos na Huaca Huallamarca (menorzinha, mas muito bonita), na Huaca Pucllana ( a mais velha gostou, mas a mais nova deu trabalho) e tbém em Pachacamac (este eu não recomendo para quem tem criança pequena, subir ao templo do Sol, segurando minha pequena não foi nd fácil).
    Fomos ao zoológico, ao centro histórico (as catacumbas ocuparam a imaginação das meninas por um bom tempo), ao museu de arqueologia e ao museu Larco.
    Fiquei totalmente apaixonada pelo Larco e acredito que se alguém quiser escolher um museu, deveria escolher esse. O restaurante de lá é bem gostoso, tem um gramadão que as crianças aproveitaram bastante.
    Em relação aos taxis, escolhiamos um carro que achavamos + novo, combinavamos o preço e ok….sem se preocupar com esse lance de cores e tal.
    O passeio para Pachacamac fizemos pela Mirabus.
    Sobre os restaurantes, fomos na maioria dos indicados, mas a minha paixão foi o http://www.laplazitalima.com/.
    Era próximo ao hotel, o local charmoso e a comida bem gostosa.
    A minha grde bobeada, deixei para ir no circuito das aguas na véspera de vir embora (medo das crianças se molharem e ficarem resfriadas, neuroses de mãe)…e ele não abre de segunda e terça. Então, não fomos. Foi uma frustração geral.
    Enfim, adoramos Lima, fomos embora com aquela sensação de que queríamos mais.
    Quero voltar, com as meninas maiorzinhas, para conhecer mais do Peru.
    Manu, novamente, obrigada pelas dicas. Seu blog é ótimo.

    • Reply
      Manu Tessinari
      27/03/2013 at 18:12

      Oi Luciana!

      Que bom que deu tudo certo!! E melhor: que bom que ficou um gostinho de quero mais… Fico feliz de ter ajudado vocês na programação e nas sugestões. Vou tentando melhorar o blog a cada dia, porque tem um montão ainda por descobrir.
      Quanto ao Circuito das Águas, é uma pena, mas pense que é um motivo a mais para voltar! rs

      Não abandone o blog! Sempre nos visite e comente, é uma grande ajuda.

      Abraços,

      Manu Tessinari

  • Reply
    Luciana
    07/03/2013 at 21:29

    Manu,e passeios nos arredores de Lima?
    Vamos ficar 10 dias em Lima, talvez dê para conhecer algum lugar por perto tbém.
    Mas, teria q ser umas 4 horas de viagem, no máximo, por causa das crianças.
    Eu li o post das praias, mas não sei qual seria mais recomendada, nesse perfil “família”.
    Aceito sugestões de locais bonitos, históricos, etc..

  • Reply
    Luciana
    05/02/2013 at 11:54

    Manu, e os restaurantes? Recebem crianças tranquilamente? Tenho 2 , uma com 4 e meio e outra com quase 2.

    • Reply
      Manu Tessinari
      05/02/2013 at 19:38

      Os restaurantes citados aqui pode ir tranqüila. O Lima 27 não é o clima, nem os barzinhos do Barranco e o El Mercado, apesar de amar, também não tem estrutura para bebês (como trocador), mas os outros pode ir feliz!

      abraços,

      Manu Tessinari

  • Reply
    fernanda
    21/01/2013 at 10:34

    Adorei as informações que você colocou .Estou pensando em ir para Lima em Julho.Quanto está mais ou menos blusas da Lacoste em Lima???? Qual outra marca posso comprar aí com preço bom e do nível da Lacoste

    • Reply
      Manu Tessinari
      28/01/2013 at 15:04

      Oi Fernanda,

      Aqui você encontra muitas marcas americanas e internacionais e o valor algumas vezes costuma ser menor que no Brasil devido a impostas e a própria moeda.
      Uma Lacoste aqui pode custar um pouco menos de R$ 100, como também da Tommy Hilfiger. Se você consegue boas promoções, este valor abaixa mais.

      Abraços,

      Manu Tessinari

  • Reply
    Rosana
    23/10/2012 at 03:42

    Precisa voltar a Lima, amo essa cidade, rs.

    • Reply
      Manu Tessinari
      31/10/2012 at 09:11

      Volte sempre! Sempre tem novidade!

      Abraços,

      Manu Tessinari

  • Reply
    Boia Paulista
    22/10/2012 at 07:31

    Oi, Manu. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Natalie – Boia Paulista

    • Reply
      Manu Tessinari
      22/10/2012 at 14:16

      Obrigada Nat! Eu fico sempre muito orgulhosa quando isto acontece!

      beijos em toda a equipe!

      Manu

  • Reply
    Junior
    20/10/2012 at 15:38

    Nossa, juntou minha duas paixões agora (Lima e a vontade de ter um filho).
    Que vontade me deu de estar em Lima e aproveitar essa cidade com meu herdeiro.
    Parabéns pelo post, como sempre, explicando tudo e mostrando o quanto essa cidade é cosmopolita!

    • Reply
      Manu Tessinari
      22/10/2012 at 14:17

      Obrigada Junior!

      Quando a gente quer muito, o universo conspira a nosso favor! Quem sabe não é você aqui, daqui a pouco, com seu bebe pelas ruas de Lima?

      abraços!
      Manu

  • Reply
    Francisca Cortat Gama Tessinari
    20/10/2012 at 00:01

    Parabéns, adorei seu blog e sua reportagem de LIMA para pequenõs está ótimo !

    • Reply
      Manu Tessinari
      22/10/2012 at 14:18

      Elogio da minha leitora mais exigente!

      Obrigada mãe.

      Manu

  • Reply
    Neto
    19/10/2012 at 20:08

    E compras para bebês/crianças? Alguma dica?

    • Reply
      Manu Tessinari
      22/10/2012 at 14:21

      Oi Neto!

      A Sagafalabela e a Ripley resumem muito bem o que há disponível no mercado. Bons produtos com preços bons! Fora isto, tem o Shopping El Polo II, que fica em Surco, que tem muitas lojas para bebês, mas os preços são mais altos.

      abraços!

      Manu

    Deixe seu comentário, opinião, dúvida, elogio. A gente vai adorar!