/>
31 Em Cultura/ Cup of Feelings/ Lima

Aqui em Lima: como enxergo Lima e os limeños

Se tem um blog que eu adoro ler é o Mi Bloguito da Helo Righetto. Divertido, bem humorado e cheio de informações supérfluas interessantes, o blog é aquela leitura para te deixar mais leve. A semana passada me diverti muito com o post da Helô sobre como ela enxerga os londrinos e Londres, a cidade onde mora. Ela tinha “roubado” a idéia de um blog onde um francês falava como ele via o Brasil. Na hora que li, pensei: hum… vou roubar esta idéia também… 🙂

E é justamente o que fiz neste post. Resolvi falar o que eu aprendi sobre Lima e seus moradores nestes 3 anos que ando por aqui. Bom, para não fazer inimigos, quero deixar claro que esta é a MINHA visão da cidade, o que percebo, o que sinto. Claro que cada um tem uma vivência muito particular do lugar onde mora.

1) Aqui em Lima, não chove nunca.
2) Aqui em Lima, não existe bueiro nas ruas.
3) Aqui em Lima, grande parte dos prédios não faz o reboco das laterais, já que imaginam que subirá outro prédio ao lado.
4) Aqui em Lima, os taxis não tem taxímetro, sempre é necessário negociar com o taxista antes.
5) Aqui em Lima, as mulheres usam botas para praticamente qualquer situação e praticamente todo o ano.
6) Aqui em Lima, dificilmente você verá casais se beijando em público, mesmo em restaurante, boates ou shows. Bom, a não ser que seja um casal de 18 anos.
7) Aqui em Lima, as placas de trânsito parecem que são “apenas sugestões”.
8) Aqui em Lima, todo mundo atravessa a rua onde quer e carro não respeita faixa de pedestre.
9) Aqui em Lima, o céu fica nublado quase 9 meses ao ano.
10) Aqui em Lima, no verão, todo mundo vai para as praias e as empresas fecham mais cedo na sexta-feira.
11) Aqui em Lima, o comércio abre às 11h da manhã.
12) Aqui em Lima, motoristas não dirigem dentro de uma só faixa.
13) Aqui em Lima, as praias são de pedra.
14) Aqui em Lima, se você é estrangeiro, a primeira pergunta sempre será: “você já comeu ceviche?”
15) Aqui em Lima, todo mundo se orgulha da gastronomia peruana. Até quem não cozinha.
16) Aqui em Lima, quem é de família rica estudou nos EUA durante a ditadura e na época do terrorismo.
17) Aqui em Lima, a rixa é entre limeños e arequipeños.
18) Aqui em Lima, o espanhol falado é bem um portunhol, então você encontrará coisas do tipo carro, cuarto, refrigeradora, computadora e não coche, habitación, nevera, ordenador.
19) Aqui em Lima, se alguém quer Reveillon da pesada vai para Cusco.
20) Aqui em Lima, tem mais de 9,2 milhões de habitantes, o que faz a cidade ser maior que o Rio de Janeiro.
21) Aqui em Lima, todo restaurante é “fusion”.
22) Aqui em Lima, a moda gira praticamente em volta do preto, cinza e marrom.
23) Aqui em Lima, qualquer filme em cartaz tem a versão dublada e legendada.
24) Aqui em Lima, é comum almoçar em padarias.
25) Aqui em Lima, desumidificador é essencial numa casa.
26) Aqui em Lima, cobrador de ônibus fica na porta gritando o itinerário do ônibus.
27) Aqui em Lima, não existe rodoviária. Cada companhia de ônibus tem seu próprio ponto de embarque.
28) Aqui em Lima, há coisas que você só encontra no mercado central.
29) Aqui em Lima, os funerais acontecem em uma área reservada nas igrejas.
30) Aqui em Lima, se almoça tarde e se janta tarde.
31) Aqui em Lima, todo mundo acha o Brasil caríssimo.
32) Aqui em Lima, as pessoas são registradas com dois nomes.
33) Aqui em Lima, criança de 3 anos tem que passar por entrevista e prova para ser admitida em uma escola.
34) Aqui em Lima, parque é a praia deles. Exceto no verão, claro, quando todos migram para as praias.
35) Aqui em Lima, ir para Machu Picchu também é muito caro.
36) Aqui em Lima, os cidadãos peruanos e residentes pagam tarifas aéreas menores.
37) Aqui em Lima, o primeiro andar dos edifícios é o andar da portaria e há apartamentos nele.
38) Aqui em Lima, você é chamada de senhorita mesmo sendo casada e com 45 anos. Senhora normalmente são para pessoas mais idosas.
39) Aqui em Lima, o sol se põe no mar e é um espetáculo tão lindo que nunca você nunca se cansará de ver.
40) Aqui em Lima, há 3 ilhas, mas, devido a neblina, não se consegue vê-las durante grande parte do ano.

E você? Tem algo a acrescentar? Discorda de mim? Me escreve que estou esperando!
Ah! A querida Marcie, do Abrindo o Bico, também fez um relato sobre sua experiência em Nova York. Leitura obrigatória!

Talvez você também goste

31 Comentário

  • Reply
    Giannina
    05/01/2014 at 19:49

    AMEI!!! Sou limeña e moro em Sampa há muitos anos, Manu.
    Amei teu post. Senti saudade de tudo isso. Vc retratou com carinho a cidade onde nasci. rsrsrsrs 🙂 Vc é quase limeña 🙂

    • Reply
      Manu Tessinari
      05/01/2014 at 21:14

      Que bom escutar isto! É sempre muito delicado escrever sobre uma cidade q te adotou, sempre terão pessoas concordando e discordando. De qualquer forma, com o bom e o ruim, eu adoro morar aqui!

  • Reply
    Luciana Betenson
    03/06/2013 at 20:44

    Adorei 🙂 Já estou me preparando para os choques culturais haha! Muito bom o post, Manu! Beijos,

    • Reply
      Manu Tessinari
      04/06/2013 at 15:54

      Oi Lu!

      Estou te esperando já pra te mostar in loco!

      beijos
      Manu

      • Reply
        Luciana Betenson
        17/07/2013 at 19:29

        Em Lima, o trânsito é mais infernal do que em São Paulo. Em Lima, não existe metrô. Bjs!

  • Reply
    Renata Luppi
    31/05/2013 at 14:19

    Bom saber que o comércio abre tarde e fecha tarde, estou montando nosso roteiro da visita ! 😀

    • Reply
      Manu Tessinari
      04/06/2013 at 14:29

      Roteiro pronto?

      • Reply
        Renata Luppi
        10/07/2013 at 11:18

        Que nada ! Voltei aqui justamente para acertar alguns pontos !

  • Reply
    Rosana
    29/05/2013 at 20:05

    Nunca tive duvida, lendo seu blog, do quanto você passou a gostar de Lima e do Peru. Adoro tudo que você escreve.

    • Reply
      Manu Tessinari
      04/06/2013 at 14:24

      Oi Rosana,

      Você sempre doce e carinhosa. Obrigada!

      beijos,
      Manu

  • Reply
    Marcia Borges
    29/05/2013 at 10:03

    Conheçi Cusco e Lima e amei a cidade, Miraflores é um bairro delicioso, os peruanos são cordiais, os taxitas super atenciosos, segui suas dicas e vivi dias felizes no Peru, Continue escrevendo eu adoro. Bjs

    • Reply
      Manu Tessinari
      04/06/2013 at 14:24

      Que bom que você curte, Marcia! Os próximos textos serão sobre MP, aí você matará saudade.

      abraços,
      Manu

  • Reply
    Anne
    29/05/2013 at 06:41

    Olá, Manu! Li seu artigo e gostei muito. Lembrei de algumas coisinhas que sempre me chamam a atenção

    Aqui em Lima, não há tantos divórcios, e os casais fazem tudo junto…
    Aqui em Lima, a buzina é que manda no transito..mas está mudando..
    Aqui em Lima as pessoas não fazem fila no banheiro público,elas ficam na frente de cada porta
    Aqui em Lima a bandeira é um orgulho e é comum ver as pessoas usando um broche com ela
    Aqui em Lima, as pessoas andam muito na rua, mesmo à noite
    Aqui em Lima, se vc paga os impostos (IPTU) em dia, tem várias vantagens e descontos no seu próprio bairro, pois estes são utilizados para suas melhorias

    • Reply
      Manu Tessinari
      29/05/2013 at 09:53

      Anne,

      Adorei sua ajuda, obrigada!!!!!!!!!!

      Tem tanto pra falar, né? A lista não acaba nunca… Quanto aos casais, acho que aqui em Lima isto é bem lindo. Aqui existe uma coisa, uma inocência (no sentido de pureza), um respeito, que infelizmente sinto que perdemos no Brasil. É como o Brasil de antigamente acho.

      Lembrando de mais, é só escrever!

      beijos
      Manu

  • Reply
    Heloisa Righetto (@HeloRighetto)
    29/05/2013 at 03:34

    adoreeeei Manu!!! <3 e olha, fiquei surpresa com isso q em Lima o ceu é nublado por boa parte do ano… nao tinha ideia!!!!!! é prima de Londres!! ; )

    • Reply
      Manu Tessinari
      29/05/2013 at 09:49

      Prima total de Londres! Mas é aquela história: quando sai o céu azul também, não tem pra ninguém…

      beijos!

  • Reply
    Juliana Reis
    28/05/2013 at 22:16

    Quando for conhecer a cidade ou prestar atenção. 😉

    • Reply
      Manu Tessinari
      29/05/2013 at 09:48

      Oi Juliana,

      Você terá sua própria Lima! Tem brasileiros que andam só com brasileiros, tem os que nem sabem por onde os brasileiros andam. O bairro onde vc mora também determina muito do que você vai ver da cidade. Depois quero ver você contar aqui sobre sua Lima…

      abraços,
      Manu Tessinari

  • Reply
    Lu Malheiros
    28/05/2013 at 20:42

    Manu,
    Estava esperando esse post! Adorei aprender mais sobre Lima!
    Além do que você escreveu , seguem algumas impressões: a) As carrocinhas de rua que vendem doces e guloseimas vendem também bebidas, mas elas nunca são geladas, b) na pizzaria pode não ter mostarda, mas tem ají , c) no supermercado, a caixa nunca ficou me devendo alguns centavos, sempre há troco (ou dei sorte?) e d) fast food: eles adoram frango frito!
    Bjs, saudades

    • Reply
      Manu Tessinari
      29/05/2013 at 09:44

      Lu,

      Que complementos!!! Sabe que tinha muita coisa que lembrava passando na rua e na hora de escrever eu esqueci! As bebidas sempre ao natural, eles adoram frangos, tem ají na pizza… Vc está certíssima!!!!

      Volte logo!

      beijos

      • Reply
        Junior
        30/05/2013 at 23:54

        As bebidas são um caso a parte mesmo.
        Lembro que dá primeira vez que fui à Lima, desci a Bajada Balta e fui a praia, subi novamente e depois de passar pela ponte Villena encontrei um quiosque e fui logo correndo, porque né… depois de subir aquilo tudo. Pedi uma água e o dono (acho q era o dono, não sei) me perguntou se eu queria natural ou gelada, eu disse gelada, pq minha sede só passa com água bem gelada. Quando achei que ele viria com uma água gelada, ele abriu a garrafa, colocou a água e despejou três pedras de gelo.
        kkkkkkkk eu ri, mas levei numa boa, novas experiências.
        Nem em Puerto Maldonado, que é onde pego meus voos pra Lima, eles tem o costume de beber uma gaseosa gelada.
        E ahh o ají, como eu gostei deste, os que eu trouxe já estão acabando. =/

        • Reply
          Manu Tessinari
          04/06/2013 at 10:32

          ahahahahaha, é assim mesmo Junior, mas dá pra encontrar água gelada nas lanchonetes e restaurantes sim, é só pedir, mas a regra é sempre ao natural. Dizem que bebida gelada faz mal a saúde. No frio daqui, eu bem que acredito… E devo confessar que aqui em casa, água no inverno só natural também. Já to super adaptada 🙂

          abraços,
          Manu

  • Reply
    Isi Walton
    28/05/2013 at 20:29

    Corrigindo? Porque está no Peru?

  • Reply
    Isi Walton
    28/05/2013 at 20:27

    Acredito que uma opinião bem formada deverá ser a partir do conhecimento da sua própria história -isto é: quanto mais estrada mais aceitação à diversidade [Bagagem]… O resto é bobagem! // Você acha que no Brasil é diferente? // Se assim tão Diferente (ou melhor), porque não está no Peru – “cuspindo no próprio prato que come”.

    • Reply
      Manu Tessinari
      29/05/2013 at 09:43

      Oi Isi!

      Não estou cuspindo no prato que como não! Adoro o Peru, adoro Lima e acredito que passo isto em todos os posts que escrevo e nas respostas aos leitores. Tento incentivar todos a visitarem o país e sou uma defensora para que as pessoas venham conhecer Lima, já que a maioria, infelizmente, ainda tem como destino principal Machu Picchu. Não vi no que escrevi nada que ofendesse o país, muitas das informações são apenas constatações, tentei ao máximo nem dar opinião nenhuma, porque entendo completamente que é a cultura local. O diferente é só que, quando somos expatriados, as vezes, percebemos as coisas diferentes, o que é normal. Eu já morei em Angola, na Alemanha, na Inglaterra. Amo todos os países que passei com suas qualidades e defeitos e estou longe de achar o Brasil melhor do que aqui. É diferente e igual em muitas coisas. A brincadeira da blogagem era justamente esta: falar como expatriado. Foi assim sobre Londres, sobre NYC e um francês falou sobre o Brasil. Estou aqui em Lima, porque gosto daqui. Se não, já teria ido embora. Gosto tanto daqui que foi aqui que escolhi para ter minha filha, que é limeña. 🙂

      Como expliquei no post, era minha visão e vc pode se sentir a vontade para escrever os pontos que discorda.

      beijos e obrigada por comentar!

      Manu Tessinari

  • Reply
    Michele
    28/05/2013 at 16:50

    O comercio abre tarde assim, até nos shoppings??
    Adorei saber um pouquinho mais sobre Lima, ja que estou indo conhecer na semana que vem!!
    Bjs

    • Reply
      Junior
      28/05/2013 at 22:06

      Sim, em compensação fecham bem mais tarde tbm. Fui ao Plaza Shopping, e as 10 da manhã quase nada estava aberto, fui pra praça de alimentação e fiquei lá esperando e aproveitando um ótimo sanduiche de res, q é uma delícia. Fica a dica! rsrsrs
      Eu só acrescentaria Manu, que quando se pega táxi, ou conversa com um nativo, eles ficam perguntando oq achamos do Peru, oq já vimos, se estamos gostando, depois começam a elogiar o Brasil, eles adoram esse país!

      • Reply
        Manu Tessinari
        29/05/2013 at 09:46

        Junior, é isto mesmo! Eles estão sempre super interessados se você está gostando daqui e quais são suas impressões locais. Adoram falar sobre o Brasil também e a Copa do Mundo aí é um dos assuntos preferidos…

        obrigada por sempre estar aqui me ajudando nos comentários.

        Manu

    • Reply
      Manu Tessinari
      29/05/2013 at 09:29

      Oi Michele

      Comércio abre tarde e fecha tarde. Não se preocupa que você não ficará sem comprinhas! 😉

      Depois de vir, escreve suas impressões também!

      abraços,
      Manu Tessinari

  • Reply
    Marcie
    28/05/2013 at 16:32

    Muito legal, Manu!

    • Reply
      Manu Tessinari
      29/05/2013 at 09:28

      Valeu, Marcie!

    Deixe seu comentário, opinião, dúvida, elogio. A gente vai adorar!