7 Em Gastronomia/ Lima/ Peru

Dicas de uma blogueira pra lá de antenada!

eu e lu betenson almoçando no Rafael

Tá bom, vou confessar que Luciana Betenson é minha amiga e que eu a adoro, mas não é só por isto que estou falando dela por aqui. É ela que escreve o blog Rosmarino e Outros Temperos e este é o motivo imparcial que falo dela hoje. O blog da Lu fala sobre viagens com um tempero de quem sabe cozinhar ( e é claro que tem também suas receitas e tudo relacionado ao maravilhoso mundo da gastronomia). Quando a Lu me disse que viria para o Peru e ficaria uns dias em Lima, eu quase morri para indicar passeios e, principalmente, restaurantes. E levar ela pra almoçar, então? Sentiram a responsabilidade? Eu curto comer e tal e é esta a minha intimidade máxima com a cozinha. Estava super curiosa para saber o que ela iria achar dos restaurantes e dos passeios pela cidade. Aos poucos, toda sexta-feira, ela tem postado um pouco do que rolou aqui em Lima e no Peru (ela foi também para Cusco e Machu Picchu), então acho super válido você dar uma passada no Rosmarino, se você está com viagem marcada pra cá. Tá tudo fresquinho, como um bom gourmet gosta…

Um passeio pelo Mercado de Surquillo em Lima e curiosidades da comida peruana.
Cinco coisas imperdíveis para fazer em Lima no Peru.
Restaurantes bacanas para ir em Cusco.
Vai a Cusco e Machu Picchu? Prepare-se.
Peru gastronômico: dos incas a Gastón Acurio.

Talvez você também goste

7 Comentário

  • Reply
    Cintia
    04/12/2013 at 07:06

    Olá Manu, seu blog tem dicas valiosíssimas para quem não conhece Lima, parabéns! Estou tentando encontrar alguma festa de reveillon em Lima e não consigo… Sabe dizer se tem algum restaurante ou balada com uma boa festa de reveillon 2013/2014? Ou ainda, sabe dizer se chegando aí no dia 30/12 consigo comprar alguma coisa para 3 pessoas?
    Muito obrigada!
    Abraços,
    Cintia

    • Reply
      Bia Kuntz
      04/12/2013 at 18:08

      Oi Cintia!
      Fizemos um post sobre o réveillon no peru aqui.
      Até onde sabemos a maioria das festas aqui são fechadas, como nos clubes por exemplo. Além do mais, no réveillon a maioria das pessoas viajam, então são poucos os lugares que oferecem festas.
      Acredito que a melhor opção é procurar algo nos hotéis ou restaurantes que você tem interesse em conhecer.
      Beijos

  • Reply
    lidoefeito
    24/08/2013 at 21:13

    Gente, depois dessa postagem voltou o sentimento de OH, DÓ! por não ter ido ao mercado. Explico. Estando em Lima tentei, e muito, conhecer o mercado de Surquillo (tinha lido sobre ele e adorei a ideia de lá chegar). Na minha cabecinha de melão e no melhor turismo mão-de-vaca-muquirana (crédito para a Silvia do Matraqueando) bastaria “descer” na estação Angamos do Metropolitano, em Surquillo. Assim fiz e ao caminhar na direção do Mercado fui informada (por pessoas da localidade) que havia 2 mercados, além de ser desmotivada enfaticamente de prosseguir na caminhada. Insisti e ao pedir novamente informação fui cordialmente atendida por um vigilante comunitário que também não foi muito claro sobre a localização do Mercado. Disse, inclusive, que melhor seria tomar um taxi e ir conhecer Surco Viejo e sua Plaza de Armas. Segundo ele seria mais agradável e seguro. Assim fiz, deixando o Mercado para outra oportunidade. Portanto, por favor, me digam como chegar até esse mercado e, enfim, me deliciar como Luciana fez! Onde foi que eu errei, Manu? (risos)

    • Reply
      Manu Tessinari
      27/08/2013 at 11:59

      Oie!

      Você não fez nada de errado!!! Bom, um pouquinho… 🙂 Na verdade, indo de Metropolitano, a melhor estação para descer era a Ricardo Palma, que fica mais perto. Assim que você sobe a escada, você vê o mercado a sua esquerda. É bem claro qual é o Mercado de Surquillo, nem vejo outro mercado la não… O que acontece é uma feira de orgânicos no domingo, do lado de fora do mercado. Bom, quanto a ser perigoso, vão falar isto sempre. Eles acham Lima super perigoso, mas a gente que veio do Brasil, vive aqui como se fosse Europa! rs Claro que tem que tomar cuidado, ir mais básica, mas eu fui lá várias vezes e sinceramente não vi nada que me preocupasse ou assustasse. Na primeira vez, aconteceu algo interessante. A gente sempre deixa Olivia solta, futucando as coisas, mas sempre de olho e perto. Então um senhor se aproximou do meu esposo e perguntou se a criança era nossa. Com a confirmação, ele mandou tomar cuidado que lá no mercado, roubavam muito crianças!!!! Meu marido colocou ela no colo e não largou mais! ahahahahaha Depois disso já voltamos outras vezes e continuo não vendo nada ameaçador. Claro que para uma visita mais profunda e com mais informação, vale a pena fazer como a Lu Betenson fez: ir com um tour já fechado. O importante é não deixar este programa de fora da sua proxima visita a Lima!

      bjs
      Manu

  • Reply
    Luciana Betenson
    23/08/2013 at 10:55

    Manu, que honra <3 <3 Ainda mais vindo de uma anfitriã tão bacana 🙂 Eu adorei suas dicas de Lima e do Peru, curti muito nosso passeio e adorei a aula de História e curiosidades da terra que você me deu. Beijos e obrigada 😀

    • Reply
      Manu Tessinari
      27/08/2013 at 12:00

      Volte sempre, sempre, sempre. Ainda tem mais restaurantes e fofocas! 🙂

      beijos
      Manu

    Deixe seu comentário, opinião, dúvida, elogio. A gente vai adorar!

    %d blogueiros gostam disto: